Pesquisar neste blog

Origem das Visitas

AROLDO FILHO

https://www.facebook.com/DelfosJornal GRUPO AROLDO FILHO NO FACEBOOK

terça-feira, 31 de maio de 2011

RELIGIÃO ATROFIA A MENTE



Pessoas religiosas, especialmente, católicos e protestantes sofrem diminuição do hipocampo de forma parecida com o Mal de Alzheimer é o que diz pesquisa nos Estados Unidos.


Esquizofrênicos apresentam anormalidade nessa região do cérebro, que é importante para retenção da memória e locomoção.


Amy Owen, a coordenadora do estudo desse caso se surpreendeu com o resultado. Ela fez ressonância magnética em 268 homens e mulheres de 58 a 84 anos.


ATEU POETA


Veja mais em: http://www.paulopes.com.br/2011/05/religiao-atrofia-o-cerebro-revela.html

CIGARRO ASSASSINO



 O cigarro matará 6 milhões de pessoas em 2011, das quais 600 mil serão fumantes passivos.


 Mais de 50 tipos de doenças poderiam ser evitadas sem  uso de cigarro.


ATEU POETA


http://ajaspacoti.blogspot.com/2009/11/fume-nao-mate.html


http://msn.minhavida.com.br/conteudo/13307-Dia-Mundial-Sem-Tabaco-12-motivos-para-parar-de-fumar-ja.htm?ordem=1


http://msn.minhavida.com.br/conteudo/13307-Dia-Mundial-Sem-Tabaco-12-motivos-para-parar-de-fumar-ja.htm?ordem=1

sábado, 28 de maio de 2011

DIDI MOCÓ E PROCESSO DE 1 MILHÃO


Renato Aragão Produções Artísticas, Europa Filmes, TV Globo e Infoglobo são processados por atriz  por que o direito de imagem do filme "A filha dos trapalhões", de 1984, várias veses relançado, segundo ela, não teria sido pago em todos esses anos.

Fernanda Americano do Brasil, pede indenização de 1 milhão por danos materiais.


O irmão de Renato Aragão rebateu dizendo que todos receberam os devidos direitos e que não teriam, segundo ele, recebido nenhuma intimação oficial sobre o caso.


ATEU POETA

28/05/2011


Fonte:
http://br.omg.yahoo.com/blogs/atriz-processa-renato-arag%C3%A3o-e-quer-r-1-milh%C3%A3o-do-humorista-id_omg_falei-273.html


http://srv85.tjrj.jus.br/consultaProcessoWebV2/consultaProc.do?v=2&numProcesso=2010.001.293871-6&FLAGNOME=S&tipoConsulta=publica&back=1&PORTAL=1&v=2

http://www.dignow.org/post/atriz-pede-r-1-milh%C3%A3o-de-indeniza%C3%A7%C3%A3o-a-renato-arag%C3%A3o-2153981-15946.html

http://audienciadatv.wordpress.com/2011/05/27/atriz-processa-renato-aragao-e-quer-r-1-milhao-do-humorista/

quarta-feira, 25 de maio de 2011

KIT-GAY SUSPENSO


O idiota kiy-gay foi suspenso pela presidente por inadequação de conteúdo.
Se ficou chocado com essa imagem, isso é só a capa. Agora procure os vídeos no "Youtube" e as outras imagens e reflita se isso é lá material que se dê a crianças de 7 anos.

ATEU POETA


PROIBIDOS PADRES COM CRIANÇAS



Na Austria, em Kindberg, é proibida a entrada de padres com crianças numa área florestal.

Ateu Poeta
Fonte:

MÉDICO RECEITA JESUS E PODE PERDER LICENÇA POR ISSO


Na Inglaterra, Richard Scott receitou Jesus a um garoto de 24 anos, e, por isso, uma prática que vai contra o profissionalismo, o médico ex-missionário cristão, pode perder sua licença.

Ateu Poeta
Fonte:

terça-feira, 24 de maio de 2011

ATEUS TÊM MELHOR VIDA SEXUAL


Uma pesquisa da Universidade do Kansas nos EUA indicou que ateus tem melhor vida sexual que cristãos.


ATEU POETA
24/06/2011




Fonte: http://www.pop.com.br/popnews/noticias/poptrash/490154-Ateus_tem_vida_sexual_melhor_que_cristaos__revela_pesquisa.html

segunda-feira, 23 de maio de 2011

OPERAÇÃO TIGRE DE PELÚCIA



Operação policial britânica foi montada para a captura de tigre de pelúcia. Usaram incluse helicópteros para o resgate, depois de ligações recebidas da população dizendo que vira um animal selvagem.

Ateu Poeta

Fonte:

http://meme.yahoo.com/thaispontes/p/TtzMO1u/?cid=brtd/

ARIANO SUASSUNA EM PACATUBA


Dia: 28/06/2010
Horário: 16h
LocaL: Espaço Literário do Portal de Turismo. 

ATEU POETA

Fonte:  http://www.pacatuba.ce.gov.br/noticias/texto.asp?var=1480&c=n

ZEZÃO, O TERRÁQUEO BUNDÃO



Aos meus amigos Deivide Moreira e Mariana Laurindo.
Zézão era um sujeito simples, tinha 50 anos e vivia na linha 164/sul, zona rural de Rolim de Moura. Ele tinha uma vida simples, sozinho numa simples casinha, na fundiária de um sítio simples, conversava sobre coisas simples com outras pessoas simples.
Numa bela noite estrelada, Zezão urinava no tronco de um pé de jabuticaba. Pensando em coisas simples. De repente escuta um barulho estranhíssimo! O susto é tão grande que interrompe a micção. “Uai? Que desgraça é essa?” perguntou a si mesmo. No instante seguinte uma luz muito forte cai sobre ele. Zézão fica com tanto medo que se ajoelha pensando estar presenciando o juízo final.
Ele começou a sentir seu corpo mais leve, até que começou a flutuar, estava sendo sugado pela luz, que de tão intensa deixou-lhe cego por alguns instantes, e quando voltou a enxergar estava deitado numa espécie de leito dentro de um disco voador.
Zézão estava imóvel, conseguia apenas respirar e sentia um leve formigamento no alto de seu crânio. Depois de alguns minutos ele já era capaz de mover os dedos e gradativamente foi recuperando os movimentos de todo o corpo.
Onde é que eu estou?
            Perguntou. Nesse momento teve a impressão de que havia pronunciado aquela frase em uma língua totalmente desconhecida. No instante seguinte ouviu a resposta:
“está na espaço-nave 000 001 010 100 - 110 101 110 111”.
Ele teve a impressão de que aquilo que ouviu estava em outra língua, mas entendeu perfeitamente o que foi dito. Tudo isso o deixou extremamente confuso.
“Você deve estar confuso por estar se comunicando em um dialeto desconhecido, não se preocupe, logo esta sensação de estranheza irá passar.”
Disse um ser de dois metros de altura, quatro pernas (como um centauro), dois braços e uma cabeça chata com dois olhos enormes, pretos, que não piscavam.
“Nós implantamos em seu cérebro células artificiais que possuem codificações mnemônicas da língua de meu planeta, o que te torna capaz de codificar e decodificar informações da língua zaratustriana, ou seja, transmitir e interpretar ideias na minha língua.”
Disse outro ser que estava atrás de Zézão, que então pergunta:
Por que vocês me pegaram?
“Somos pesquisadores do planeta Zaratustra, e nossa pesquisa é sobre como um terráqueo reagiria ao visitar nosso planeta, levaremos você pra lá.”
Mas nem com reza brava, eu quero descer desse negócio agora!
Disse Zézão se levantando do leito.
“Nós já estamos no espaço sideral, não há como você descer.”
Disse um daqueles seres. No total haviam cinco extraterrestres dentro da nave. De repente um dos seres faz um sinal com a cabeça indicando um painel colorido na parede da nave, outro ser vai até lá e toca algumas vezes o painel, com isso é acionado um mecanismo que distorceu o espaço-tempo de tal maneira na frente da nave que criou um buraco-de-minhoca (um buraco no espaço-tempo que liga dois pontos do universo que estariam em altíssima concentração gravitacional).
“Nós vamos utilizar este buraco no espaço-tempo como um atalho para chegar mais rápido ao nosso planeta, pois se fossemos pela via convencional levaríamos mais ou menos cinquenta e cinco milhões de anos terrestres para chegarmos, mesmo viajando na velocidade da luz.”
Zézão não entendeu bulufas do que o ET quis dizer.
“Por essa fissura no espaço-tempo, levaremos somente oito anos para chegar.”
Disse o ET que operava o painel.
“Durante esse tempo, iremos induzir um sono em você, para evitar possíveis transtornos psicológicos oriundos do isolamento e da distancia de casa.”
Disse o ET que lhe fez a operação de inserção mnemônica de linguagem por células artificiais.
“Antes de induzirmos o sono, precisamos te perguntar algo.”
Disse o ET que demonstrava ser o comandante, Zézão acuado, apenas esperou que o ET fizesse a pergunta.
“Você é Albert Einstein?”
Perguntou o ET.
Não, meu nome é José da Silva.
Respondeu Zézão.
“Como assim não é? Nós viajamos por centenas de milhares de anos-luz para buscar o famoso terráqueo Albert Einstein!”
– Então vocês se enganaram de pessoa.
Disse Zézão. Enquanto isso um ET consulta uma tela holográfica e diz:
– “Comandante, acho que nós não deveríamos ter feito aquela escala no planeta Atriuss, isso nos fez atrasar 80 anos da nossa viajem, Albert Einstein já deve ter morrido, os humanos não vivem muito, não adianta voltarmos à Terra para buscá-lo. Além do mais, provavelmente ocorreu um pequeno erro no nosso sistema de leitura das coordenadas da Terra, pois a Princeton não fica em Rondônia.”
– “O que?! E como fica a nossa pesquisa!? Como fica minha tese de doutorado?!”
– “Teremos que realizá-la com este terráqueo aí, não há outro jeito.”
            Com isso a nave entra no buraco no espaço-tempo, os ET’s induzem um sono em Zézão e aproveitam para fazer alguns estudos anatômicos, o que nunca se atreveriam a fazer caso tivessem capturado Einstein.
            E assim, ao cabo de oito anos, a viajem por dentro da fissura no espaço-tempo termina. E a nave 000 001 010 100 - 110 101 110 111 surge na orbita do planeta Zaratustra. Os ET’s acordam Zézão com uma descarga de ondas eletromagnéticas de frequência alternada, Zézão desperta bem tonto, pois nunca havia dormido tanto.
– “Senhor José da Silva, agora o senhor será nosso objeto de estudo, nós iremos apresentar nossa civilização ao senhor e assim anotaremos as impressões que tiver, a partir dos resultados que coletarmos do senhor iremos confirmar ou descartar nossas hipóteses a respeito de como um homo sapiens sapiens reagiria ao ver nosso mundo.”
            Zézão, sem muito direto de escolha, fica quieto. Um dos ET’s vai até o painel colorido e configura algumas funções da nave.
– “Estamos prontos para aterrissar.”
            Com isso a nave entra na atmosfera do planeta Zaratustra. Este planeta é verde visto do espaço, um pouco menor que a terra e a temperatura máxima não ultrapassava os 35°C. A atmosfera é rica em Hidrogênio, Hélio, Oxigênio e outros gazes, alguns não encontrados na Terra. A água é escassa, sendo que é desértica a maior parte deste planeta.
            Os Zaratustrianos, assim como toda forma de vida existente no universo, evoluíram se adequando às exigências do meio. Viviam em uma civilização muito organizada, com tecnologia inimaginavelmente mais complexa que a dos humanos.
– “Senhor José da Silva, este é nosso planeta.”
            Zézão ficou boquiaberto ao ver uma cidade com prédios redondos de mais de um quilometro de altura, a população se locomovia pelas vias em pranchas flutuantes, não haviam semáforos, um numero descomunal de indivíduos circulavam numa harmonia jamais vista na Terra. Zézão estava espantadíssimo, e os pesquisadores zaratustrianos anotavam todas as suas reações. Ele gostou especialmente do fato de a gravidade daquele planeta ser um pouco menor que a da Terra, o que aliviava sua dor nas costas, e além dos mais a temperatura era muito agradável.
– “O que está achando, Senhor José da Silva?”
– É doido... Que lugar é esse?...
            Depois de um tempo mostrando a cidade, os ET’s resolveram levar Zézão para almoçar.
– “Senhor José da Silva, coma isso.”
– Que diabo é isso?
            Os ET´s estavam lhe dando uma espécie de pílula fosforescente.
– “Coma isso, é luz materializada.”
            Zézão, movido pela fome, fez um grande esforço para vencer sua neofobia alimentar. Comeu a pílula e se saciou no mesmo instante, foi uma experiência arrebatadora para Zézão.
– “A luz é uma das mais poderosas e limpas energias no cosmo.”
– Vocês não vão comer?
– “Nossa espécie não come a dezesseis milhões de anos, pois por seleção natural adquirimos a habilidade de absorver a luz pela pele e sintetizá-la em nutrientes, vocês humanos chamam isso de fotossíntese. Criamos esta pílula especialmente para o senhor. Recentemente descobrimos como converter ondas luminosas em matéria.”
            Zézão não entendeu muito bem o que o ET disse.
– E água, tem a água por aí?
– “A água é muito rara em nosso planeta, mas nós sabemos que vocês humanos não sobrevivem sem ela, pegamos um pouco para você.”
            Com isso o ET entrega um recipiente com água para Zézão.
– Vocês não bebem água?
– “Não, sobrevivemos apenas com a síntese cutânea de luz.”
            Zézão deu uma olhada mais cuidadosa no chão e levou um susto com os pedregulhos que viu.
– Que pedras são essas?
– “Ah, isso é o que vocês chamam de ouro.”
– Que!?
            Zézão viu que aquelas pedras estavam em todo lugar.
– E por que ninguém pega?
– “A sua raça é engraçada, vocês valoram um simples metal... digamos que minha espécie não possui a necessidade de projetar sua essência subjetiva em pedras, como vocês fazem.”
            Enquanto isso os ET’s iam anotando todas as reações de Zézão, que se mostrava cada vez mais espantado com o que via e ouvia, e estava cada vez mais curioso.
– Quem é o prefeito daqui?
– “Não existem prefeitos, presidentes, reis ou coisas do tipo, assim como não existem países aqui, vivemos em uma sociedade planetária, que não possui governantes, simplesmente seguimos regras que surgem espontaneamente das nossas necessidades comuns. Nossa sociedade é uma só, é includente. Vocês possuem sociedades clivadas por linhas imaginárias e guerreiam impulsionados pelo sentimento etnocêntrico de patriotismo. Aqui não existe patriotismo, não somos alienados o bastante para amarmos linhas imaginárias nem símbolos de sistemas políticos tais como bandeiras e hinos, muito menos tiramos a vida de indivíduos de nossa própria espécie por causa de tais banalidades.”
– E o que fazem com quem desobedece essas regras?
– “Não há quem desobedeça, pois tais regras não são impostas, como eu disse, surgem de nossas necessidades, aqui não existem prisões nem castigos. Não existem punições, pois não há essa necessidade.”
– Existem ricos e pobres aqui?
– “Não existem classes sociais em nossa sociedade planetária, esse é o motivo da inexistência do Estado. Aqui também não existem autoridades, ninguém é visto ou pensa possuir uma pseudo-superioridade social tal como ocorre nas sociedades de seu planeta.” 
– E igrejas? Vocês têm alguma religião?
– “Não, nossa espécie deixou de precisar dessa muleta psíquica a muitos milhões de anos atrás, de lá para cá procuramos evitar entender o universo da forma como gostaríamos que ele fosse, e passamos a entendê-lo da forma como se apresenta, a nossa ciência é essencialmente... ‘Fenomenológica’, como alguns dos pensadores humanos diriam, esse talvez seja o motivo do nosso extraordinário avanço científico e técnico, aqui não existem dogmas irracionais para estorvar o conhecimento válido. Vocês dogmatizam até mesmo seus cientistas, por isso estão em um estagio tão primitivo de avanço tecnológico.”
– Vocês têm escolas aqui?
– “Não usamos mais esses sistemas de ensino, pois não constroem livres-pensadores, mas sim repetidores de ideias. Atualmente implantamos no cérebro de nossas crianças células artificiais com codificações de todo o conhecimento que acumulamos. Isso garante que todos de nossa espécie sejam eruditos do mesmo nível, e ainda com criatividade suficiente para produzir novos conhecimentos, já que não foram adestrados em uma sala de aula. Já a “didática” de vocês transmite o conhecimentos de forma mecânica, transforma o sujeito em uma esponja que precisa absorver ideias, corroendo assim sua criatividade.”
– Existe casamento aqui?
– “Não, nossa espécie é constituída apenas por sujeitos hermafroditas, nos reproduzimos assim: quando estamos prestes a morrer um novo zaratustriano começa a se desenvolver dentro de um útero que temos nas costas, e quando morremos o pequeno zaratustriano se alimenta absorvendo o corpo em decomposição de seu ‘pai’. Logo depois ele ‘nasce’ e passa a se alimentar por síntese cutânea de luz.”
– No meu país nós temos heróis, como um tal de Tira Dentes, o Ronaldinho Gaúcho... vocês têm heróis aqui?
–“Não, nunca houve a necessidade de um. Nunca tivemos um revolucionário, já que nunca tivemos opressores.”
– Vocês trabalham?
– “Não, já que nos alimentamos de luz, não há a necessidade de trabalhar para comprar algo que é de todos. Os zaratustrianos dedicam todo o seu tempo em pesquisas científicas, para assim aumentar o bem-estar de nossa espécie.”
– Quanto tempo vocês vivem?
– “Vivemos em média 1500 anos terrestres, a população não cresce nem diminui por que só nasce um zaratustriano quando morre outro, como já expliquei.”
            Todas essas informações eram arrebatadoras para Zézão, ele sempre vivera uma vida simples, pensando coisas simples, sempre acomodado às condições estabelecidas pelos líderes de sua sociedade. Naquele momento ele desejou que toda a humanidade tomasse conhecimento da existência do planeta Zaratustra e, quem sabe, seguir seu exemplo.
– Ninguém no meu mundo imagina que existe este lugar!
– “Na verdade, existem milhares de civilizações como a nossa espalhadas pela imensidão do universo, em outras galáxias, em dimensões alternativas desse mesmo universo e etc., mantemos contato com muitas delas, trocamos conhecimentos. Mas temos muito receio em estabelecer contato com a sua espécie, vocês são muito imaturos. Além do mais, vocês não tem nada a nos ensinar e é impossível que aprendam algo de nós.”
            Zézão fica quieto, apenas ouvindo o ET, que continua o que estava dizendo.
– “Uma civilização de uma galáxia vizinha investigou vocês, mas desistiram de estabelecer contato, eles disseram que vocês são uma civilização horrível que em breve irá se autodestruir. Eles disseram que a humanidade possui recursos naturais fantásticos, que vocês vivem em um paraíso cósmico, porem estão acabando com as condições naturais necessárias à própria sobrevivência. Realmente, em nenhum ponto do universo se encontra uma civilização como a de vocês. Vocês estão na contramão.”
            Zézão sentiu vergonha da própria espécie, ele nunca havia experimentado tal sentimento. O ET observou uma tela holográfica e disse:
– “Bom, senhor José da Silva, nossa pesquisa terminou, depois meus ajudantes e eu iremos analisar os dados que coletamos do senhor, agora iremos levá-lo de volta, usaremos um descodificador mnemônico para apagar todas as lembranças que o senhor tem de nós e do nosso planeta. O senhor já deve estar com saudades de casa. Está pronto para retornar?”
            Esta pergunta caiu como uma bomba em Zézão. Pensou em tudo que viu, fez as devidas comparações, lembrou-se do fato de que estava desaparecido a oito anos para seus amigos da linha 164/sul e que levaria mais oito anos para retornar pelo buraco-de-minhoca. Além do mais, não queria esquecer do planeta Zaratustra. Sua resposta também caiu como uma bomba sobre os ET’s:
– Não, eu não quero voltar, vou ficar por aqui mesmo.

Os personagens e as situações desta crônica são reais apenas no universo da ficção; não se referem a pessoas e fatos concretos, e sobre eles não emitem opinião.

FIM.

Thiago Rodrigues da Rocha

SUA FÉ NÃO E PRETEXTO PARA UMA OUTRA VIDA (cordel)

 
 
Pastorem dizem por lá
Que tudo isso é relativo.
Que mesmo morto cê tá vivo,
E que a morte é um despertar.
Difícil de acreditar,
Que essa será minha sina.
Pois se me provam sem bíblia,
E sim com fatos, ai eu aceito.
Pois sua fé não é pretexto
Para uma outra vida.

Vocês assim como eu,
Sabem que o ser humano é fraco.
Uma topada num buraco
E vai dizendo "Ai meu Deus!"
Antes ele do que eu.
Pessoa desconhecida.
Alienada e iludida
Que AINDA impõe o seu texto.
Mas sua fé não épretexto
Para uma outra vida.

E o engraçado é o ramo
Uma porra de uma peregrinação.
Flagelado feito um cão,
Com a bunda já coçando.
Sentado naquele cano
Da bicicleta mais fudida
Uma tirada de rapariga
Pra pegar um só confeito
Sua fé não é pretexto
Para uma outra vida.

O crente nem se fale,
Pois você também é ridículo.
Que merda de simbolismo
Seu Deus é de mesma fraude.
Como um cachorro que late,
Seu pastor não pàra a língua.
Naquela água de João Batista
Acha que tudo é perfeito.
Mas sua fé não é pretexto
Para uma outra vida.

Me recordo de um ditado,
Que minha vó me dizia:
"Sua mente vazia,
É oficina do diabo."
Isso é estereotipado,
E fica chato a quem ensina.
Pois é "oficina da doutrina"
E sem um pingo de respeito,
Sua fé não é pretexto
Para uma outra vida.

Na hora do vamu ver,
Todo mundo se arrepende.
Tem ateu que vira crente
Eu ví um monte se converter!
Mas o pior é mesmo ter,
Que ouvir uma irmã querida.
Dizer que existe AINDA
Salvação para o meu peito
Mas a fé dela não é pretexto
Para uma outra vida.

Tenho nojo da sua igreja.
E também dos seus diáconos.
Sem falar em Deus e diabo..
Não creio nessa peleja.
Prefiro é beber cerveja.
Em Jardim na rua ou em Cida;
Escutar Rabujos ou outra conhecida;
Conversar com alguém de contexto...
Pois sua fé não é pretexto
Para uma outra vida.

sábado, 21 de maio de 2011

HONDA CITIY BRASILEIRO É LANÇADO NO MÉXICO POR MENOS DA METADE DO PREÇO COBRADO NO BRASIL


O carro fabricado em são Paulo é vendido para o México por 25.800 R$.

O City LX com câmbio manual, sem freios ABS, tem custa 56.210 R$ e 20.100 dólares (34.800 R$) na Argentina.


Tabela de preços no Brasil do Honda City

SUL, SUDESTE E CENTRO-OESTE

Honda City LX MT Flex: 56.815,00
Honda City LX AT Flex: 60.655,00
Honda City EX MT Flex: 62.315,00
Honda City EX AT Flex: 66.155,00
Honda City EXL MT Flex: 66.080,00
Honda City EXL AT Flex: 71.860,00

NORTE E NORDESTE

Honda City LX MT Flex: 58.075,00
Honda City LX AT Flex: 61.820,00
Honda City EX MT Flex: 63.530,00
Honda City EX AT Flex: 67.285,00
Honda City EXL MT Flex: 67.215,00
Honda City EXL AT Flex: 73.085,00


ATEU POETA

Fonte:

http://carplace.virgula.uol.com.br/honda-city-brasileiro-e-lancado-no-mexico-com-preco-inicial-de-r-25-800-como-e-possivel/
http://carplace.virgula.uol.com.br/honda-city-brasileiro-e-lancado-na-argentina-por-r-34-800/

sexta-feira, 20 de maio de 2011

CEARENSE JÁ TRABALHOU NA MARVEL

O cearense Geraldo Borges já trabalhou na Marvel, em desenhos do Batman, e atualmente trabalha para a Comics, umas das principais parceiras da Marvel, que agora faz parceria com a empresa Panini, do cartunista Maurício de Sousa (criador da "turma da Mônica").

ATEU POETA

20/05/2011

Fonte: http://impacto-quadrinhos.blogspot.com/2011/03/workshop-com-geraldo-borges-no-rio-de.html

Outros brasileiros de HQs de sucesso no exterior:
http://semtedio.com/desenhistas-brasileiros-conquistam-o-sucesso-no-exterior/
http://nomundoteen.blogspot.com/2011/04/peixonauta-desenho-brasileiro-sera.html
http://smellycat.com.br/2010/05/21/diretor-de-a-era-do-gelo-produz-filme-baseado-no-rio-de-janeiro/

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Robô Emotivo


Pritika Nilaratna, estudante de design,  criou robô emotivo.

É um robô-balão que busca atenção de humanos, segundo sua criadora.

ATEU POETA

Fonte: http://br.noticias.yahoo.com/estudande-desgin-cria-bal%C3%A3o-rob%C3%B4-aut%C3%B4nomo-emo%C3%A7%C3%B5es-203353198.html

segunda-feira, 16 de maio de 2011

CORDEL DE 6


Aceitando o desafio
De José de Sousa Dantas,
Esse fabuloso poeta
Com seu cordel que encanta,
E a semente do Nordeste
Neste mundo ele planta.

Vou fazer algumas rimas
Usando palavras raras.
Espero que Dantas goste
Não vá rir da minha cara,
Pois me falta gabarito
Para entrar nesta seara.

Vamos procurar palavras
Que possam rimar com lobo.
Num tempo globalizado
Vem à mente a Rede Globo.
Com a sua programação
Fazendo o povo de bobo.

Num país de analfabetos
Futuro não se vislumbra.
Pois a máquina da mídia
Deixa o povo na penumbra,
Que com a bolsa salário
Se encanta e se deslumbra.

Povo que vive em favela
Curtindo o seu mocambo.
Que às vezes pra comer
Apela pro velho escambo.
Catando lixo nas ruas
Vestindo-se de molambo.

Empurrando sua carroça
Ouvindo um rádio portátil.
Se mostrando bem feliz
Pois o povo é versátil,
E mesmo na sua pobreza
O sonha é coisa volátil.

Embora muita gente aja
De maneira bem covarde.
É o caso dos políticos
Que não querem muito alarde.
Sempre tudo vem à tona
Mesmo que já seja tarde. 


A todo dia no Brasil
Vem à tona um alvitre,
Que funciona pra imprensa
Como se fosse salitre.
E a prisão de políticos
Nunca há ninguém que arbitre

Pois para os poderosos,
Justiça vive a menopausa.
Não importa ter razão
Eles sempre ganham causa.
Ou os processos se arrastam
Dando-lhes uma boa pausa.

Não há para o país
Esperança, simples réstia.
Pois quem aplica as leis,
E usa uma bonita véstia,
Se acha o dono do mundo
E não tem qualquer modéstia.

Com bom dinheiro no bolso
Não sabe o quê é uma xepa.
Come lagosta, salmão
Bem preparado na cepa.
Se alguém mexe na sua grana
Se descontrola e grita: epa.

No meu dinheiro não mexe.
Briga, dá murro, tabefe.
Manda até mesmo matar
Desossa feito magarefe.
E o crime fica impune,
Pois o sujeito é o chefe.

Com seu poder de fogo
Igual a um pirilampo
Grilam terras, tomam casas
Na cidade, até no campo.
Contra os inimigos usam
O famigerado grampo.


HENRIQUE CÉSAR PINHEIRO
FORTALEZA, JULHO/2010. 

1° Lugar no 2° concurso da comunidade "Vamos escrever um livro?" no "Orkut" em 2010.

http://www.orkut.com.br/Main#CommMsgs?cmm=42743344&tid=5487001315465957049

quarta-feira, 11 de maio de 2011

Filhos de Bin Laden acham "inaceitavel" o metodo de seputamento de Osama.


Como todos sabem, Osama Bin Laden era o inimigo número 1 dos Estados Unidos desde o ataque de 11 de setembro. Foram anos que os EUA vinham a procura do mesmo, sendo que no dia 2 de maio desse ano seu paradeiro foi descoberto e sua morte efetuada. Com a morte de Osama os EUA tinham em suas mãos o corpo do mesmo então resolveram seputa-lo no mar, isso segundo Washington.
Para os filhos de Osama Bin Laden, essa forma de seputamento é inaceitavel e humilhante, não só para a família do morto quanto para todos os muçulmanos.


"É humana e religiosamente inaceitável ver uma pessoa desse nível e dessa importância para seus parentes ter seu corpo lançando ao mar de uma forma humilhante para sua família e seus adeptos, e que fere os sentimentos de centenas de milhões de muçulmanos", acrescentou Omar Bin Laden.

Omar Bin laden acusa Obama pelo fim dado seu pai e amaeaça leva-lo a justiça:

"Consideramos o presidente Obama em pessoa legalmente responsável pelo destino de nosso pai, Osama bin Laden", indica a mensagem assinada por Omar bin Laden, divulgada online em nome dos irmãos e citado pelo centro americano de vigilância de sites islamitas SITE.

"Como filho de Osama Bin Laden, nos reservamos o direito" de levar os responsáveis por "esse crime à justiça americana e internacional para esclarecer a respeito do destino de nosso pai desaparecido", acrescentou.



fonte: http://br.noticias.yahoo.com/filhos-bin-laden-sepultamento-mar-%C3%A9-inaceit%C3%A1vel-171319097.html

segunda-feira, 9 de maio de 2011

MITOLOGIA GREGA, A VERDADE CRISTÃ


Os povos que habitaram o oriente médio e norte da África desde o mundo antigo, como os egípcios, gregos, romanos e judeus, têm uma mesma raiz, tribos indo-européias que migraram para lá em tempos pré-históricos. Então nada mais natural do que crenças similares entre estes povos. Pesquisas recentes demonstram que, diferente do que tradicionalmente se pensava, a Bíblia judaica não teve o início de sua compilação em torno do século XVII a.C., mas bem posterior, foi escrita no decorrer dos séculos VI a II a.C. conforme estudos publicados em Who Were the Early Israelites? de William G. Dever (2003) e em The Bible Unearthed de Neil A. Silberman e Israel Finkelstein (2001). Praticamente neste mesmo período foram confeccionados os documentos da mitologia grega, ao longo dos séculos VII a III a.C. Vale a pena ressaltar que a mitologia grega é mitologia hoje, mas na Grécia antiga tratava-se da religião daquele povo. A partir da crença destas culturas, judaica e grega, surgiu o cristianismo em meio ao império romano. Os romanos, apesar de destronarem os gregos, eram tão helenizados (helenos foram os povos que tiveram maior contribuição na formação da cultura e do povo grego) quanto os demais povos que viveram sob o domínio grego, entre eles o povo judeu. Embora os cristãos abominem a idéia de sua religião como um sincretismo greco-judaico, as evidências não deveriam ser ignoradas. Dos 27 textos que compõe o Novo Testamento, manual da fé cristã, 26 foram compilados em grego, enquanto a Bíblia judaica, conhecida entre os cristãos como Velho Testamento, foi compilada em hebraico, língua natural dos judeus. A língua e a cultura gregas estavam para o mundo neotestamentário como estão o idioma inglês e a cultura americana para o mundo atual. A semelhança do cristianismo com a mitologia grega é um dos motivos pelo qual o judaísmo repudia a idéia de Jesus como o messias previsto em suas escrituras. Segue 7 analogias, entre muitas outras não citadas aqui, acerca do cristianismo e da mitologia grega.

1. Zeus e Javé

Estes deuses habitavam o céu, eram supremos e criadores da humanidade em suas culturas de origem. Zeus, deus da mitologia grega, costumava ter filhos com humanas. Javé (ou Jeová), o deus judaico-cristão, teve um filho de Maria, chamado Jesus.

Curiosidade: A visão do messias como filho direto de Javé, não é encontrada nos documentos judeus originais, mas a tradução conhecida como Septuaginta, da Bíblia judia para o grego, traduziu a palavra “jovem” erroneamente para “virgem” na profecia sobre o nascimento do messias (Isaías 7.14). Esta tradução, anterior ao surgimento do cristianismo, orientou a crença popular de uma virgem concebendo um filho do próprio Deus. Ora, se Maria engravidou virgem, quem a inseminou não era humano. Mas havendo um erro de tradução, há uma forte possibilidade de Jesus, se existiu, ter tido um pai biológico humano que não foi José, pois José magoado, mas ainda amando Maria, resolveu abandoná-la grávida sem denunciar sua traição, crime punido com morte por apedrejamento, dando-lhe a oportunidade de casar com o verdadeiro pai do menino. Posteriormente, a crença de José neste erro de tradução, o fez mudar de idéia, assumir o filho do desconhecido e entrar para a História como padrasto de Jesus. E Maria, escondendo a identidade do verdadeiro pai, por temer a morte ou uma vida de vergonha – ou por ter sido estuprada, talvez por um parente próximo, ou por ter cedido à vontade de copular antes de casar, o que era inaceitável na sua cultura e época – sustentou a virgindade e entrou para a História como a única mulher mãe de um filho de Javé. Só ela sabe o que passou para salvar a própria pele.

2. Hades e Satanás

Hades era inimigo desejoso da posição de seu irmão Zeus, o qual o enganou lhe deixando a pior parte na partilha do universo, o mundo inferior que leva o seu nome. Hades tentou destronar Zeus para tornar-se supremo, mas teve seu intento frustrado. Na interpretação cristã dos textos judaicos, Satanás, outrora Lúcifer (anjo de luz), o segundo na hierarquia celeste, tentou destronar Javé, mas teve seu intento frustrado e foi lançado num abismo.

3. Hades e Inferno

As palavras originais traduzidas para “inferno” encontradas no Novo Testamento são 3, as hebraicas “sheol” e “geena” e a grega “hades”, esta terceira é exatamente a mesma palavra utilizada na mitologia grega quando se refere a um mundo inferior onde ficam os mortos.

4. Titãs e Anjos Caídos

Os Titãs da mitologia grega são seres descomunais, filhos da deusa Gaia e do deus Urano, permanecem confinados no hades devido sua extrema destrutividade. Segundo o Novo Testamento há anjos caídos (demônios) altamente destrutivos amarrados em abismos.

5. Perseus e Jesus

Perseus, ou simplesmente Perseu, é filho de Zeus com uma humana, salvou a humanidade da fúria de Hades que teve permissão de Zeus para castigar os seres humanos. Perseu desceu ao hades a fim de cumprir sua missão. Semelhantemente Jesus, filho de Javé com uma humana, é salvador da humanidade do poder de Satanás, o qual tem permissão de Javé para agir sobre a Terra. Jesus, como Perseu, desceu ao hades a fim de cumprir sua missão.

6. Asclepius e Jesus

Asclepius, filho do deus Apollo com uma humana, tinha o poder da cura miraculosa e por isso rapidamente ganhou fama, motivado pela compaixão ressuscitou um morto. No cristianismo, Jesus, filho do deus Javé com uma humana, ganhou grande fama ao curar milagrosamente muita gente, movido de grande compaixão ressuscitou a Lázaro.

7. Dionysus e Jesus

Dionísio, do grego Dionysus, era o deus do vinho que, ao lutar contra os inimigos de Zeus, teve morte agonizante, mas ressuscitou pelo poder de Zeus e foi assunto aos céus para uma vida eterna. Jesus, considerado Deus pelos cristãos, transformou água em vinho, foi chamado de beberrão, foi morto após a agonia da cruz, mas ressuscitou pelo poder de Javé e foi assunto aos céus para uma vida eterna.

Curiosidade: O nome Jesus é a versão helenizada do nome hebraico Josué, que significa Deus conosco. Grande parte dos nomes gregos e romanos finalizava em “us” como em Zeus, Deus, Augustus, Maximus, Mateus, Perseus, Asclepius e Dionysus. Finalizações com “us” são incomuns em nomes hebraicos sendo, as mais utilizadas, as terminadas em “as” e “é” como em Josias, Elias, Malaquias, Josué, Javé e Noé, entre outras.

Lugar na História

Da mesma forma que os gregos não imaginavam suas crenças sendo consideradas mitologia no futuro que é hoje, os cristãos não são capazes de conceber suas crenças como mitológicas. O isolamento dos mitos num passado de difícil investigação cegou os gregos e continua cegando os cristãos de todas as épocas. A tradição grega dividia a sua mitologia em 3 períodos: (1) A ação dos deuses num passado distante, (2) a ação dos heróis – filhos de deuses com humanos, os semideuses – num passado mais recente e, por fim, (3) os homens estabelecendo seu próprio governo, minimizando a interferência dos deuses com a ajuda dos heróis que posteriormente se afastaram da humanidade. Assim as novas gerações da Grécia antiga conheciam os deuses e heróis somente em escrituras do passado, acreditando que tudo aquilo havia realmente acontecido. Da mesma forma os cristãos têm sua mitologia dividida em 3 períodos: (1) A crença em um deus criador que agiu em meio ao povo hebreu do passado, (2) posteriormente, num passado menos distante, a crença na visitação de um filho de Deus e, por fim, (3) a humanidade com a responsabilidade de governar a si mesma a partir da ida do filho de Deus até um juízo final. Observe que o ultimo período de cada crença “explica” a pouca atividade dos deuses, enganando a correta percepção de que eles nunca existiram. De fato os semideuses cridos no politeísmo grego não são encontrados fora de obras literárias mitológicas, da mesma forma o semideus do monoteísmo cristão, Jesus, também não tem nenhum registro extrabíblico de sua existência. Mas os cristãos, ao longo dos 4 primeiros séculos de nossa era – que não era reconhecida como era cristã pelos próprios cristãos até o século VI e pelas nações européias até o século XII – criaram o mito Jesus e cederam-lhe um lugar imaginário no passado do nosso mundo real, repetindo o que os antigos gregos fizeram aos seus heróis mitológicos.


quinta-feira, 5 de maio de 2011

DONO DE JORNAL ASSASSINADO NO RIO DE JANEIRO


Valério Nascimento, dono e diretor do jornal "Panorama Geral", foi morto com um tiro na cabeça e outro nas costas,  no dia 3 de maio de 2011.


O crime pode ter sido encomendado por motivos políticos.


É o segundo jornalista brasileiro assassinado em menos de um mês.


ATEU POETA


Fonte: http://noticias.br.msn.com/mundo/artigo.aspx?cp-documentid=28620255

http://knightcenter.utexas.edu/es/node/5719

http://riosulnet.globo.com/web/conteudo/1_276842.asp

segunda-feira, 2 de maio de 2011

APREENSÃO DE DROGAS EM FORTALEZA BATE RÉCORDE


A apreensão de cocaína em Fortaleza, no dia 26 foi a maior desde 2005. A PF apreendeu 356 quilos em forma de pó e pasta base.

Fortaleza também está na roda do tráfico internacional.

ATEU POETA

Fonte: http://www.meionorte.com/noticias/policia/policia-federal-faz-apreensao-recorde-de-cocaina-no-ceara-356kg-119292.html

BRIQUETE, LENHA ECOLOGICAMENTE CORRETA.

BRIQUETE, LENHA ECOLOGICAMENTE CORRETA.

Não há necessidade de derrubar nossas florestas para produção de calor, aquecimento de casas ou para cocção de alimentos. Segundo pesquisa da ONU, um terço da população mundial usa madeira para aquecimento ou para cocção de alimentos. Este quadro pode mudar com uma atitude simples; reaproveitamento do lixo para produzir os briquetes

Um dos materiais mais usados são os jornais rasgados em pedaços bem pequenos , papel de escritório fragmentados, pó de serra, maravalha (raspa de madeira), revistas(em pequena quantidade em relação aos outros materiais).
Restos de plantas também podem fazer bons briquetes (capim seco, folhas secas, casca de madeira, galhos finos triturados). Compostar (deixar de molho) estes materiais durante algum tempo (dois ou três semanas) de forma que quando reunidos para prensagem passam aderir bem com os outros materiais quando prensado.

Prof. Ewir Caldas
Formado em Letras
Especialista em Educação Ambiental.

Contatos:
Ewircaldas2@yahoo.com.br
98 8857 7308
OFICINAS E PALESTRAS .
FORNO SOLAR
BRIQUETAGEM